Onde ver neve em Madrid – Puerto de Cotos

Quem vem a Madrid no inverno logo quer saber se neva por aqui. Como este fenômeno é meio raro na capital, temos que dar uma fugidinha para lugares próximos, onde neva e neva muito.

Na primeira grande nevasca que tivemos, no início de janeiro, alugamos um carro e seguimos para o Puerto de Cotos, na Comunidade de Madrid. Antes mesmo de sair da cidade, já avistávamos as montanhas branquinhas, cobertas de neve. Esta é a melhor época para subir a serra e encontrar neve, de janeiro até meados de março.Puerto de Cotos Madrid

Os portos de Cotos e Navacerrada são onde chegamos mais facilmente. Ambos tem acesso por trem e ônibus, embora os horários sejam reduzidos e os bilhetes de trem tenham que ser comprados com antecedência. Por isso, achamos que a melhor opção é ir de carro, principalmente com crianças. As locadoras oferecem correntes para neve, se for o caso. Mas esteja atento se for em um final de semana. As estradas ficam super movimentadas e os estacionamentos lotam rápido. É melhor ir durante a semana. Fomos em uma segunda e estava super tranquilo.

Sobre o Porto de Navacerrada, a Sandra falou neste post. Hoje vou falar especificamente do Porto de Cotos, que fica na divisa entre Madrid e Segóvia, na Serra de Guadarrama. De Madrid existem dois trajetos: pela A-6 ou pela M-607. Como era um dia em que muitas estradas estavam fechadas devido à nevasca do dia anterior, o aplicativo nos mandou pela M-607. E achamos a estrada bem mais bonita do que a outra. Em Cercedilla as duas vias se encontram e daí seguimos pela M-601. Chegando em Navacerrada temos que subir mais um pouco, em direção a Rascafría.

A estação de Cotos não tem a mesma estrutura que tem na de Navacerrada, com lojas vendendo artigos para esquiar ou aluguel de equipamentos. Também não tem teleférico para levar até o alto da montanha. Temos que subir a pé. Mas tem um restaurante, um centro de informações, estacionamento e banheiros.

montanha de Cotos

Em Cotos está a montanha mais alta da Serra de Guadarrama, Peñalara, com 2428 metros acima do nível do mar. A subida até o pico é feita por trilhas bem delimitadas e é aconselhável segui-las. Apenas os montanhistas mais experientes se arriscam por outro caminho. Respeitar a montanha é imprescindível para nossa segurança enquanto admiramos a beleza do lugar.

trilha montanha Cotos
Trilha na montanha

Quanto mais se sobe, mais deslumbrante fica a paisagem e também mais cansativo para quem não esta acostumado. Logo na primeira curva deparamos com o Mirante da Gitana, onde há uma bússola manual e uma bela vista dos montes cobertos de neve.  A subida é tranquila, várias pessoas no caminho, apenas temos que estar atentos ao movimento de esquiadores que vem descendo a montanha, muitos trazendo seus cães.

O ideal é ir com roupa apropriada para neve, térmica e impermeável. Nós não tínhamos nem uma nem outra, então a solução foi se agasalhar bem. Todos vestimos calça e meia-calça, duas blusas de algodão, um agasalho e o casaco de frio. Não esquecer das luvas, gorro e cachecol! Fomos de tênis e bota, mas como não eram próprias, logo ficamos com os pés molhados. Levei saquinhos plásticos para colocar nos pés, entre o calçado e a meia e isso aliviou bastante o frio.

Leve sempre uma muda de roupa extra, principalmente meias e sapatos. A neve é sequinha, as meninas rolaram e rolaram, só que ela derrete e aí já viu. Calças, casacos, meias e luvas úmidos. Levamos bolachinhas para comer na subida, não há problema, apenas lembre-se de não deixar lixo na montanha. A natureza agradece!

Porto de Cotos
Feliz com seu boneco de neve!

Também é proibido arrancar plantas, mexer com os animais e ouvir música alta. Tudo para preservar o ambiente natural e o habitat das diversas espécies existentes na Serra de Guadarrama.

No post da Sandra tem mais dicas úteis de sobrevivência na neve, confere lá!

E se você optar por ir de trem ou ônibus, confere no site da Renfe e da CRTM os preços e horários para Cotos. A linha de ônibus que leva até lá é a 691 e, fique atento, já que apenas o horário assinalado com um V faz todo o trajeto. De trem, as linhas C-8 e C-9 deixam o visitante nas dua estações: Cotos e Navacerrada. Desde dezembro de 2017 os bilhetes devem ser comprados com antecedência.

  

Agora é só se programar, se agasalhar e curtir a neve em Madrid. Depois conta pra gente como foi, ok?

 

Juliane D’Amore, gaúcha, casada e mãe de três meninas que foram a inspiração para o blog MEL a Mil pelo mundo. Nele, conta como está sendo a mudança da família para Madrid, além de dar dicas de passeios e viagens com crianças.

Um comentário sobre “Onde ver neve em Madrid – Puerto de Cotos

  1. Delícia de dica! Fui a Cotos uma vez de trem, tomei um chocolate quente e voltei pra Madri. Passeio lindo, como você diz, tem várias surpresas e se agasalhar nunca é demais. Deu vontade de voltar! Obrigada!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *