De volta do analógico: fotografia

No começo do verão, Paco e eu compramos uma máquina fotográfica analógica e alguns rolos de fotografia branco e negro. Foi bem legal voltar ao mundo das fotos que precisam ser reveladas para curtir o resultado. Assim como acontece com o vinil, Madrid também tem seus lugares para os aficionados à fotografia.

Mova velha Nikon

Continuar lendo

Sandra Brocksom é do interior de São Paulo e veio morar em Madrid por amor a um espanhol. Ela acabou se apaixonando também pela cultura, gastronomia e história madrilenha e espanhola. Ela conta suas experiências no blog Sandra B Em Madrid.

Kibom, loja de produtos brasileiros em Madrid

Quando decidimos sair do Brasil para viver em outro país, neste caso específico a Espanha, uma das muitas perguntas que nos vem à mente é “como vou sobreviver sem comidas que só tem aqui?”. Como viver sem comer uma paçoca, uma tapioca com coco e leite condensado, um bolinho de fubá, uma caixa de Bis e eu, gaúcha, sem chimarrão? Será que teremos que esperar uma visita que nos traga “contrabando de comida” na bagagem?

Continuar lendo

Juliane D’Amore, gaúcha, casada e mãe de três meninas que foram a inspiração para o blog MEL a Mil pelo mundo. Nele, conta como está sendo a mudança da família para Madrid, além de dar dicas de passeios e viagens com crianças.

Visalia Market – Produtos brasileiros em Madrid

Estrangeiros que vivem fora do seu país sempre sentem falta dos amigos, da família e também da comida. Enquanto a Susana que é portuguesa pode atravessar a fronteira em algumas horas e comer coisas típicas de Portugal, as brasileiras sofrem com saudades das coisinhas simples da nossa culinária.

Pão de queijo, coxinha, pastel, cachorro-quente, farofa, feijoda… poderíamos passar horas falando sobre todas as coisas deliciosas e únicas da culinária brasileira, que são menos comuns fora do Brasil, ou difíceis de encontrar em outros países.

Para nossa sorte, Madrid tem uma comunidade brasileira bastante grande e algumas das coisas que sentimos falta podem ser encontradas em vários locais comerciais! (Além disso, temos a Manaíra no grupo, e ela faz pão de queijo caseiro).

Muitos destes locais são abastecidos pela Visalia Market. E aqui vamos deixar uma lista disponível para os saudosos de plantão.

Continuar lendo

Camila Levy é brasileira, agrônoma e vive em Madrid. No blog Con Su Lado de Ca, ela compartilha informações a expatriados que querem viver aqui e dicas de boa convivência.

Os melhores centros comerciais (shoppings) de Madrid

Sabemos que nosso leitores adoram umas comprinhas… por isso o nosso post sobre os melhores outlets de Madrid é um dos mais lidos no BLPM. Pra começar o post, em Madrid, o nome Centro Comercial é sinônimo do conhecido Shopping Center que falamos no Brasil. Os portugueses entendem também pelo nome de Centro Comercial.

Príncipe Pio
Foto: Creative Commons

Continuando o assunto, Madrid é muito bem dotada de vários shoppings, e queremos deixar aqui algumas dicas para quem quiser fazer compras, passar no cinema, comer algo ou até esquiar!! Explico…

Continuar lendo

Camila Levy é brasileira, agrônoma e vive em Madrid. No blog Con Su Lado de Ca, ela compartilha informações a expatriados que querem viver aqui e dicas de boa convivência.

Madrid ao Cubo: souvenirs de Madrid com estilo

A loja Madrid ao Cubo vende souvernirs de Madrid com estilo próprio, que foge do padrão comum das típicas lojas de turistas da cidade. Ela está escondida e só os mais privilegiados conseguem encontrá-la durante o seu passeio por Madrid. Mas vamos primeiro explicar por que achamos que vale muito a pena que você a conheça, e depois contamos onde ela fica 😉

Madrid Me Mata

Continuar lendo

Suzana Paquete é jornalista e blogueira de viagens. Ela aprende o que o mundo ensina e conta tudo no blog That Good Trip, incluindo suas experiências no apaixonante Caminho de Santiago, suas aventuras por Madrid e outras viagens incríveis.

Nossas lojas favoritas da Calle Fuencarral

fuencarral madrid tiendas

A Calle Fuencarral é uma das ruas mais movimentadas do centro de Madrid – mas nesse caso não por carros, e sim por pessoas. Boa parte dela é um grande calçadão só para pedestres. Ela começa na Gran Vía e vai até o bairro de Chamberí, atravessando a vizinhança descolada de Chueca e Malasaña.

Passear nessa rua é encontrar lojas diferentes, modernas, ótimas pra quem busca fugir das grandes cadeias comerciais de roupas da sua vizinha Gran Vía. Há também vários cafés e bares charmosos escondidos em algumas esquinas.

Conheça as lojas favoritas das Blogueiras de Língua Portuguesa em Madrid e o motivo que leva cada uma a voltar várias vezes a elas.

Continuar lendo

Suzana Paquete é jornalista e blogueira de viagens. Ela aprende o que o mundo ensina e conta tudo no blog That Good Trip, incluindo suas experiências no apaixonante Caminho de Santiago, suas aventuras por Madrid e outras viagens incríveis.