Como adotar um estilo de vida minimalista (e sustentável) em Madrid

Estilo de vida minimalista

Quando nos mudamos para uma cidade nova, geralmente trazemos uma mala grande com o suprassumo resumido do que vamos precisar nos próximos meses ou no próximo ano. Acho que é um dos momentos mais difíceis de emigrar, seja por motivos de estudo, de trabalho, ou até de viagem. Nessas horas a gente começa a pensar se é possível adotar um estilo de vida minimalista nessa nova etapa que estamos prestes a começar…

Continuar lendo

Como são as festinhas de aniversário na Espanha

Ano passado a Elisa, minha filha mais velha, fez 15 anos. Na ocasião eu pensei em organizar uma festinha pra ela, apenas para não deixar passar em branco uma data que, para nós, brasileiros, é bem importante. Perguntando aqui e ali descobri que aqui as meninas não estão nem aí para festa de 15 anos. Então fiquei me perguntando: “como são as festinhas de aniversário na Espanha?”.

Continuar lendo

Como foi a festa do 3º aniversário do BLPM

Depois de 3 anos de muitas dicas e experiências compartilhadas sobre Madrid, nada melhor que uma festa entre amigos e leitores para comemorar o aniversário do BLPM (Blogueiros de Língua Portuguesa em Madrid). O encontro aconteceu  no dia 21 de fevereiro, na churrascaria Vila Brasil, e reuniu cerca de 40 pessoas. Confira como foi esta noite mais que especial para a equipe do BLPM.

bolo do 3 aniversário do BLPM

Continuar lendo

Por que me apaixonei por Madrid?

Joana Tiso em Madrid

Guest post da Joana Tiso, do blog Entre Tapas Y Cañas

Conheci Madrid quando tinha oito anos e nunca mais tirei a cidade da cabeça. Foi aqui meu primeiro intercâmbio, aos 22. Madrid esteve em todos os roteiros que fiz pela Europa desde então. Até que em 2016, quando eu já não me imaginava morando longe do Cristo Redentor, vim de mala e cuia para Madrid, num daqueles movimentos inesperados da vida.

O propósito desta longa introdução é sublinhar o quanto Madrid é impactante e inesquecível. Talvez não seja de cara, naquelas viagens rápidas e cheias de deslocamentos. Mas é para quem decide desbravar a cidade no seu dia a dia, sem roteiros fixos nem correria.

Continuar lendo