Biblioteca Nacional da Espanha

Uma grande cidade tem uma grande biblioteca. Nesse post apresentamos a imponente “Biblioteca Nacional de España” (BNE) de Madrid. Garantimos que a BNE é muito mais que o lugar da leitura e do silêncio, é para deixar bibliófilos de queixo caído e despertar novos e outros interesses sobre a palavra escrita. Para as pessoas que escolheram Madrid para aprender espanhol, é parada obrigatória.

foto-bne-01_resize
Foto de Biblioteca Nacional de España

Continuar lendo

Sandra Brocksom é do interior de São Paulo e veio morar em Madrid por amor a um espanhol. Ela acabou se apaixonando também pela cultura, gastronomia e história madrilenha e espanhola. Ela conta suas experiências no blog Sandra B Em Madrid.

O Carrilhão de Mingote em Madrid

Carrilhão é um tipo de instrumento musical de percussão de grande porte, muitas vezes, alojados em torres de igrejas ou conventos. São sinos e teclado acionados em horários determinados do dia. Talvez o mais famoso seja o de Praga: carrilhão do relógio astronômico da torre da prefeitura.

Em Madrid, está o “carrillón de Mingote”, ou “carrilón goyesco” do Edifício Plus Ultra, na praça das cortes onde fica o Congresso dos Deputados e perto do Museu Thyssen-Bornemisza. O Edifício Plus Ultra data de 1913, em estilo clássico francês e atualmente é uma companhia privada de seguros.

foto-02-detalhe-carrilhao-mingote-foto-google

Continuar lendo

Sandra Brocksom é do interior de São Paulo e veio morar em Madrid por amor a um espanhol. Ela acabou se apaixonando também pela cultura, gastronomia e história madrilenha e espanhola. Ela conta suas experiências no blog Sandra B Em Madrid.

Por Madrid: do Romântico ao Imperial

Madrid é uma cidade para ser descoberta a pé. Um dos passeios que gosto de fazer começa na Plaza de Santa Barbara, pára no charmoso Museu Nacional do Romantismo, desce a Puerta do Sol pela Calle de Hortaleza, passa pela Plaza Mayor e termina no Palácio Real de Madrid. Se ainda tiver fôlego, o Templo de Debod sempre oferece uma linda vista da cidade.

Por Madrid: do Romântico ao Imperial - Foto 01

Continuar lendo

Sandra Brocksom é do interior de São Paulo e veio morar em Madrid por amor a um espanhol. Ela acabou se apaixonando também pela cultura, gastronomia e história madrilenha e espanhola. Ela conta suas experiências no blog Sandra B Em Madrid.

Casa de Campo: o maior parque de Madrid

A Casa de Campo é o maior parque público de Madrid, com uma extensão de 1.700 hectares. Está localizado na zona oeste da cidade, colado no bairro de La Latina.

teleferico
Teleférico de Madrid

Continuar lendo

Paula Amaro é apaixonada por viagens e por descobrir lugares novos, seja em Madrid, seja no Brasil ou qualquer outro lugar do mundo. No seu blog “BiteMeMad” compartilha dicas sobre restaurantes. Paula foi uma das criadoras do BLPM e fez parte do grupo durante mais de 2 anos.

Palácio Real de La Granja de San Ildefonso

A Granja de San Ildefonso, a cerca de 30 km de Navacerrada, é um dos palácios reais da Espanha, originalmente residência de verão que agora é aberta ao público. Confesso que nunca entrei no Palácio, mas os jardins que o rodeiam já faz valer o passeio.

granja de san ildefonso
Palácio Real da Granja de San Ildefonso

O primeiro que impressiona é a dupla de sequóias gigantes na praça de entrada do Palácio. Parece que as árvores foram plantadas em 1867 e são conhecidas como “La Reina” e “El Rey”, uma com 45 metros de altura e 18,8 metros de perímetro e a outra com 38,5 metros de altura. O segundo exemplar perdeu parte de sua copa por um raio em julho de 1991.

Continuar lendo

Vivian Monteiro, expatriada desde de 2006. Já morou na Holanda e em Londres, agora sua nova casa é em Madrid. A Vivi voltou para Londres e decidiu deixar o BLPM, depois de vários meses como membro. Boa sorte em Londres, Vivi!

O Urso e o Madroño

Um dos monumentos mais fotografados de Madrid se encontra em pleno centro da cidade, na transitada Puerta del Sol. Trata-se de uma simpática estátua, que simboliza o escudo de armas oficial da capital espanhola. Consta de um Urso que apoia as suas garras num arbusto, chamado de Madroño. A estátua foi realizada em 1967 pelo escultor Antonio Navarro Santafé, mas a existência do escudo é muito mais antiga, pois está documentado desde a Idade Média.

o urso e o madroño 1

Continuar lendo

Roberto Antunes de Paiva é um paulistano que vive há vários anos na Espanha. No blog Um brasileiro na Espanha, ele divulga o rico patrimônio histórico e cultural espanhol. Roberto fez parte do BLPM durante vários meses e foi um dos percursores do blog.