Lenda urbana: o mito das estátuas equestres

Sempre ouvi falar disso e, como boa curiosa, um dia decidi pesquisar. O que será que quer dizer a postura dos cavalos nas estátuas?

Então… você sabia que a posição das patas do cavalo indica a forma como a pessoa que está montada morreu?

Continuar lendo

Cris Pacino ensina português e no seu blog usa tecnologia para difundir conhecimento, encurtar distâncias e conectar ideias. Adora pedalar, ir pra praia e bater papo.

Igrejas e templos em Madrid para todas as religiões

Should I call you Jesus?
Or should I call you Buddha
Don’t you know Jehovah
He read the kabbala
Should I talk to Allah?
Does it really matter?
God is god
By any god given name

Madrid é uma cidade excepcionalmente multicultural, só no bairro de Lavapiés convivem pessoas de mais de 80 nacionalidades diferentes!

E com tantas nacionalidades vêm também as diferentes religiões que cada um professa. E em Madrid há espaço para todas as religiões.

Continuar lendo

Susana nasceu em Braga e vive neste momento em Madrid. Teve a sorte de viajar muito com seus pais durante a juventude e, depois de adulta, essa paixão não desapareceu. Conta as suas aventuras na capital espanhola e no mundo no Desbravando Madrid e também no Falar de Viagens.

Duas estátuas femininas de Madrid

De metal ou de pedra, no chão, nas praças, seja como for, Madrid tem muitas estátuas. Começando pelo símbolo da cidade, o urso e o madroño na Puerta del Sol.

Várias das estátuas são equestres, com conquistadores, generais e altos mandos do exército nas praças e avenidas, há também de reis godos e monarcas da Reconquista na Plaza de Oriente, de Cervantes e seus personagens, de escritores na Biblioteca Nacional, de pintores e escultores no Paseo del Prado, estátuas urbanas que representam cidadãos madrilenhos, tem também de romanos, de anjos e santos…

Este é um capítulo de uma série sobre as curiosidades das estátuas da capital. A Susana Paquete já falou sobre as esculturas humanas. Hoje rendemos homenagem a 2 estátuas femininas: Cibeles e Clara Campoamor.

Fonte: Wikimedia Commons

Continuar lendo

Cris Pacino ensina português e no seu blog usa tecnologia para difundir conhecimento, encurtar distâncias e conectar ideias. Adora pedalar, ir pra praia e bater papo.

História por trás das estátuas de Madrid (I)

De metal ou de pedra, no chão, nas praças, no alto dos prédios, seja como e onde for, Madrid tem muitas estátuas. Começando pelo símbolo da cidade, o urso e o “madroño” na Puerta del Sol.

Várias das estátua são equestres, com conquistadores, generais e altos mandos do exército nas praças e avenidas, há também de reis godos e monarcas da Reconquista na Plaza de Oriente, de Cervantes e seus personagens, de escritores na Biblioteca Nacional, de pintores e escultores no Paseo del Prado, de romanos, de anjos e santos…

Este é um capítulo de uma série sobre as curiosidades das “estátuas urbanas” assim chamadas na nossa cidade. Hoje rendemos homenagem a ilustres desconhecidos representados por tais estátuas.

Continuar lendo

Cris Pacino ensina português e no seu blog usa tecnologia para difundir conhecimento, encurtar distâncias e conectar ideias. Adora pedalar, ir pra praia e bater papo.

Biblioteca Nacional da Espanha

Uma grande cidade tem uma grande biblioteca. Nesse post apresentamos a imponente “Biblioteca Nacional de España” (BNE) de Madrid. Garantimos que a BNE é muito mais que o lugar da leitura e do silêncio, é para deixar bibliófilos de queixo caído e despertar novos e outros interesses sobre a palavra escrita. Para as pessoas que escolheram Madrid para aprender espanhol, é parada obrigatória.

foto-bne-01_resize
Foto de Biblioteca Nacional de España

Continuar lendo

Sandra Brocksom é do interior de São Paulo e veio morar em Madrid por amor a um espanhol. Ela acabou se apaixonando também pela cultura, gastronomia e história madrilenha e espanhola. Ela conta suas experiências no blog Sandra B Em Madrid.

O Carrilhão de Mingote em Madrid

Carrilhão é um tipo de instrumento musical de percussão de grande porte, muitas vezes, alojados em torres de igrejas ou conventos. São sinos e teclado acionados em horários determinados do dia. Talvez o mais famoso seja o de Praga: carrilhão do relógio astronômico da torre da prefeitura.

Em Madrid, está o “carrillón de Mingote”, ou “carrilón goyesco” do Edifício Plus Ultra, na praça das cortes onde fica o Congresso dos Deputados e perto do Museu Thyssen-Bornemisza. O Edifício Plus Ultra data de 1913, em estilo clássico francês e atualmente é uma companhia privada de seguros.

foto-02-detalhe-carrilhao-mingote-foto-google

Continuar lendo

Sandra Brocksom é do interior de São Paulo e veio morar em Madrid por amor a um espanhol. Ela acabou se apaixonando também pela cultura, gastronomia e história madrilenha e espanhola. Ela conta suas experiências no blog Sandra B Em Madrid.